quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Diferenças psicológicas entre homem e mulher

Por Ives Gandra Martins Filho (*)

 



 

As diferenças entre homem e mulher não se limitam às de caráter biológico.  A condição de homem ou mulher pertence tanto à biológica quanto ao espírito, à cultura e à vida social.  A diferenciação morfológica e anatômica leva consigo diferentes traços psicológicos, afetivos e cognoscitivos.



Assim, a complementaridade de cada um em relação ao outro não se refere apenas à união para a preservação da espécie, mas abrange também o terreno espiritual, verificando-se características anímicas próprias de cada um dos sexos.


 











































HOMEMMULHER
Tendência para o Universal e o AbstratoTendência para o Singular e Concreto
Inteligência mais teóricaInteligência mais prática
Atenção espontâneaAtenção voluntária
Maior influência do sentido comumMaior riqueza de imaginação e memória
Preponderância da Racionalidade (Lógica)Preponderância da Emotividade (Afetos)
Captação mais discursiva da realidadeCaptação mais intuitiva da realidade
Maior controle sobre os sentimentosMenor controle sobre os sentimentos
Menor capacidade para o sofrimentoMaior capacidade para o sofrimento
Maior calculismo e inconstânciaMaior generosidade e fidelidade

 

Verifica-se, portanto, que, além das características comuns a todos os indivíduos da espécie humana, a diferenciação sexual representa não apenas um elemento orgânico de conjugação para a preservação da espécie, mas fator de complementaçãodo ser humano em sua dimensão espiritual, cujas características próprias, de cada sexo, devem ser compreendidas para sua melhor concatenação.


 

(*) “Manual Esquemático de Filosofia”, 4ª Ed., Editora LTR, São Paulo, 2010, p. 160

 

_________________________________________

Fonte: Catolicismo e Conservadorismo.